06/02/2015 17h50 - Atualizado em 06/02/2015 18h02

Santa Fé do Sul / Polemica sobre Museus obriga prefeitura reformar sede na Estação Ferroviária

Museu "Honório de Souza Carneiro" e Museu da Imagem e Som foram temas de ataques no Facebook

Depois de muita polemica entre defensores do Museu Histórico “Honório de Souza Carneiro” e a Secretaria de Cultura de Santa Fé do Sul, sede começa a ser reformada.

A medida foi anunciada pelo Prefeito Armando Rossafa Garcia em reunião que aconteceu em seu gabinete no final da tarde de quinta feira (5).

As discussões nas redes sociais surgiram logo após a inauguração do Museu da Imagem e do Som em dezembro de 2014. Para os defensores do Museu Histórico que homenageia o professor Honório de Souza Carneiro, a Secretaria de Cultura tratou com descaso ao retirar peças do primeiro museu e coloca-las no MIS, e como se não bastasse, os defensores acusaram de abandono a sede do museu histórico que foi instalado na Estação Ferroviária.

Sede em reforma do Museu Histórico Honório de Souza Carneiro

A secretaria de cultura nega a acusação de descaso e informou que o local sempre foi bem cuidado e que a retirada das peças do Museu Histórico é prerrogativa da Secretaria e que as peças que foram deslocadas completam o MIS e estão devidamente identificadas como peças do Museu" Honório de Souza Carneiro".

Sede do Museu da Imagem e do Som inaugurada em dezembro/2014

Em meio a ataques pessoais no Facebook, sobrou ao prefeito reunir as partes em seu gabinete para decidir depois do baixo nível de discussão estabelecida na rede social reformar a sala da Estação Ferroviária. Também ficou acordado que depois das obras prontas todas as peças retiradas voltarão para o antigo Museu.

Segundo o responsável pela reforma, serão reformados os banheiros com acessibilidade, rampas de acesso, pintura e ampliação da sala de exposição dos objetos.

Os defensores do Museu Honório de Souza Carneiro também esperam que o local receba climatização e que se mantenha um funcionário  para organizar a visitação pública.

A conclusão da reforma deve se dar no início de março e até lá os objetos deverão ficar expostos no hall de entrada do Complexo Turístico e Cultura “Roberto Valle Rollemberg”.